Gabriel

Gabriel

segunda-feira, 5 de março de 2012

E FOI ASSIM QUE ELE VIROU ANJO,,,,, 1 ANO.



Um ano.
Desespero, lagrimas, revolta, escuridão.....e tudo estava apenas começando.
Muitas pessoas me perguntam aqui no blog o que aconteceu, como meu bebe virou um anjo. Confesso que nunca postei nada sobre isso porque de certa maneira queria esquecer, e escrever aqui me faria revivenciar o momento mais terrível da minha vida. Mais hoje é inevitável não faze-lo. Hoje desde que acordei ( poucas horas que dormi) não consigo para de recordar todos os momentos do meu dia de calvário dia 05/03 que em 2011 era um sábado de carnaval.
Um sábado cinza, com garoa tipico da cidade de São Paulo. Mais era carnaval e a festa já estava toda programada porque nos iriamos para uma chácara de algumas pessoas que íamos sempre, conhecíamos o lugar e meus pequenos adoravam ir até lá. Faríamos então, no sábado, um baile de carnaval, então fui eu na sexta feira comprar a fantasia das crianças. Comprei uma fantasia de pirata, linda para os dois e claro, e confesso que eles ficaram lindos, ele então, gordinho como era ficou uma coisinha de louco..rs.
Chegamos la por volta das trés horas da tarde, estávamos com quase toda a família reunida, fazendo festa como sempre......As crianças brincando jogando bola.
A uma certa altura,por volta das cinco da tarde, a bola que eles estavam brincando caiu no terreno la embaixo perto da entrada do sitio, eles pegaram outra bola e continuaram jogando, mais por infelicidade ou obra do destino, a outra bola foi la pra baixo também. Confesso que nunca me preocupei com isso porque de todas as vezes que estive naquele maldito lugar, nunca soube da existência daquela armadilha que levaria meu filho....
Então como sempre faziam, foram buscar a bola, o Caique, o Gabriel e o Ygor, primo deles e mais novo....
Ao ir ao encontro da segunda bola, acharam a primeira perdida, e ela estava minuciosamente escondida entre dois fios de energia de 110V. O Ygor viu e quis ir busca-la mais como de praxe meu filho com toda sua generosidade e responsabilidade disse:
- Não Ygor, deixa que EU pego.
e FOI ASSIM....
Ao se abaixar e colocar a cabeça entre os dois fios para pegar a bola, levou um choque fatal na jugular.....
O choque que o levou de mim.....ele estava molhado, como disse anteriormente era um sábado chuvoso.....
E acabou.
Fomos alertados pelo Caique que deixou o Ygor " cuidando " do Biel e subiu para nos avisar do acontecido...
Depois disso foi só correria, choro, desespero, lagrimas e todos os sentimentos ruins que cercam uma situação assim....Ele ainda foi socorrido, deu o ultimo suspiro no colo do meu marido, e no hospital ainda tentaram fazer com que ele voltasse pra mim durante 11 minutos.
A pior noticia da minha vida, tinha acabado de receber. FIM.
Sobrevivo hoje pedindo a DEUS que não leve nem meu pensamento naquele lugar.....que tire do meu coração a amargura e a revolta, que me faça uma pessoa melhor.
Tenho tentado viver pelo Caique e pela Letícia, mais hoje o sentimento que me consome e a vontade de reencontra-lo o mais rápido possível.


BIEL EU TE AMO, SINTO SUA FALTA QUERIA TER VOCÊ AKI PRA PODER ACARICIAR E BEIJAR, MAIS SÓ POSSO FAZER ISSO NO MEU PENSAMENTO.
ME PERDOE SE VC FOI EMBORA ACHANDO QUE EU NÃO TE AMAVA O SUFICIENTE, MAIS EU TE AMO MEU FILHO, E DAVA A MINHA VIDA PRA TER VOCÊ AKI...


11 comentários:

  1. Querida Alessandra... sua história mexeu muito cmg! sempre que olho seu blog me emociono muito... principalmente por vc ter perdido o BIEL no dia 05/03 e eu perdido a minha ANNA JÚLIA no dia 06/03... te desejo força, apesar da dor e da revolta que temos dentro de nos... um grande beijo
    loyane.cristine@hotmail.com (msn)

    ResponderExcluir
  2. Digna-te, ó meu Deus, a acolher, benévolo, a prece que dirijo pelo Espiríto do meu filho. Faze-lhe entrever as claridades divinas e torna-lhe fácil o caminho da felicidade eterna. Permite que os bons Espíritos lhe levem as minhas palavras e o meu pensamento.
    Tu, que tão caro me eras neste mundo, escuta a minha voz, que te chama para te ofecer novo penhor da minha afeição. Permitiu Deus que te libertasses antes de mim e eu disso me não poderia queixar sem egoísmo, porquanto fora querer-te sujeito ainda às penas e sofrimento da vida. Espero, pois, resignado, o momento de nos reunirmos de novo no mundo mais venturoso no qual me precedeste.
    Sei que é apenas temporária a nossa separação e que, por mais longa que me possa parecer, a sua duração nada é em face da ditosa eternidade que Deus promete aos seus escolhidos. Que a sua bondade me preserve de fazer o que quer que retarde esse desejado instante e me poupe assim à dor de não te encontrar, ao sair do meu cativeiro terreno.
    Oh! quão doce e consoladora é a certeza de que não há entre nós mais do que um véu material que te oculta às minhas vistas! de que podes estar aqui, ao meu lado, a me ver e ouvir como outrora, senão ainda melhor do que outrora; de que não me esqueces, do mesmo modo que eu não te esqueço; de que os nossos pensamentos constantemente se entrecruzam e que o teu sempre me acompanha e ampara.
    Que a paz do Senhor esteja contigo.
    Assim seja!

    Amiga, sinta meu carinho e meu abraço apertado.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Querida, sinto muito por tudo isso, é uma dor imensa essa que estamos vivendo. Mês passado fez dois anos que meu filho se foi e posso dizer que a dor é a mesma do primeiro dia, sendo que a saudade é cada vez maior. Deus te abençoe e também a sua família, para que possam juntos terem forças para seguirem adiante.
    Beijos, e fique com Deus!

    ResponderExcluir
  4. Alessandra, sinto muito por você e pela sua família. Não quero te desejar forças pois eu também não teria. Mas desejo que vc tenha paciência. A vida terrena é breve e logo vc encontrará o seu príncipe... Deus a abençoe!

    ResponderExcluir
  5. Alessandra que triste que dor, lamento profundamente e neste momento sofro com você e por vc, tenho um filho com o mesmo nome e da idade do seu, não consigo imaginar minha vida sem ele, tenho certeza que lá junto com o Papai do céu ele sente todo o seu amor e seu carinho por ele, tenho certeza que sabe o quanto foi e o quanto é amando, Que Deus te de forças...

    ResponderExcluir
  6. Alessandra,li seu post no mesmo dia que escreveu,mas não tive palavras, pois sempre imaginei que tinha sido um acidente, mas um acidente deste tão banal não é justo tirar a vida de um ser tão importante, acidente destes que achamos que nunca acontece só na televisão e em novela. Fiquei muito emocionada com o seu relato e já comentei com vários amigos e familiares sobre este acontecido, pois realmente me abalou muito.
    Sei que é muito difícil, mais te desejo Forças amiga!!!

    ResponderExcluir
  7. NATALIA SOUSA S. PEDROZO26 de março de 2012 15:38

    OLÁ ALESSANDRA, Q LINDO SEU ANJINHO. VI SEU BLOG PORQUE ESTAVA PROCURANDO INFORMAÇÕES SOBRE CAUSAS DE CHOQUES ELÉTRICOS, POIS MEU FILHO DE 4 ANOS JUNTO COM MINHA SOBRINHA DE 5 TOMARAM CADA UM,UM CHOQUE DE 220W. SABE ONDE? NA PRACINHA DA MINHA CIDADE. UMA CALÇADA NORMAL, A PRACINHA ACABOU DE SER REFORMADA E NA FIAÇÃO SUBTERRÂNEA HAVIA UM FIO DESENCAPADO Q ESTAVA ENCOSTANDO NA TAMPA DE FERRO E ENTÃO ELE CORRENDO POR ALÍ PISOU NA TAMPA E FOI JOGADO DE ENCONTRO AO POSTE, E QDO VIMOS ELE JÁ ESTAVA CAIDO NO CHÃO SEM SABER O Q TINHA ACONTECIDO, SÓ SOUBEMOS PORQUE MINHA SOBRINHA PISOU NA TAMPA E FICOU DURA E AO MESMO TEMPO GRITOU: PAI, CHOQUE! E CAIU DE COSTAS, FOI TERRÍVEL. JÁ FAZEM 3 DIAS E ESTAMOS ABALADOS ATÉ HOJE. GRAÇAS, MUITAS GRAÇAS A DEUS Q NÃO ACONTECEU O PIOR A ELES. A PERCA DE UM ENTE AMADO É UMA DOR Q SÓ QUEM SABE É QUEM PASSA. CHOREI MUITO VENDO SEU ANJINHO, POIS É TRISTE DEMAIS. É UM VAZIO Q. NUNCA MAIS SERÁ PREENCHIDO. Q DEUS CONFORTE SEU CORAÇÃO PRINCIPALMENTE, POIS P/ MÃE O SOFRIMENTO É MAIOR SEM DÚVIDA NENHUMA E O DE SUA FAMÍLIA TBM. QUERIDA, TENHA MTA FORÇA, POIS VC AINDA TEM 2 ANJOS PARA TE AMPARAR E PARA SEREM AMPARADOS. PENSE ASSIM: "O GABRIEL ERA TÃO QUERIDO E BONDOSO QUE DEUS O QUIS LEVAR PARA PERTO DELE".

    ResponderExcluir
  8. Alessandra, em certos casos, só o silêncio cabe. Não sei o que é pior, mas acho que, apesar de cruel, enfrentar uma doença dolorosa como o câncer é "melhor" que perder um ente tão querido repentinamente como aconteceu com vc. É sofrido ver quem amamos sofrer, definhar aos poucos, mas ainda nos dá o tempo da despedida que vc ñ teve. Mas que Deus acalente seu coração e lhe dê forças para aguardar pelo reencontro.

    ResponderExcluir
  9. MUITO EMOCIONANTE.ESSE BLOG CHOREI TIVE 3 FILHOS A DO MEIO COM 29 ANOS NO DIA 20 DE MAIO DE 2006 MORREU ESMAGADA POR UMA CARRETA.PARECE QUE FOI HOJE.SE NÃO FOSSE A GRAÇA E A BONDADE DE DEUS NA MINHA VIDA NÃO TINHA SUPORTADO.FIQUEI UM BAGAÇO.ME DEIXOU 3 MENINAS UMA TINHA 3 ANOS FOI QUEM MAS SOFREU.VIA ELA A NOITE AJOELHADA NO CHÃO DO QUARTO DIZENDO DEUS DEVOLVA MINHA MÃE. ELA REA MINHA E NÃO SUA.MAS COM CERTEZA ELA ERA DELE PORQUE PERTENCE A ELE.MAS DEUS NUNCA NOS ABANDONA ELE SABE DE TODA NOSSA DÕR.

    ResponderExcluir
  10. querida alessandra, estou passando por uma situação parecida com a sua, gostaria de conversar...

    se puder meu e-mail é rafabauer@uol.com.br

    ResponderExcluir
  11. Alessandra, eu Márcio e minha Esposa Angelita, também somos pais de um Anjo lindo, Laura partiu dia 22 de maio de 2015, em Tubarão SC, vítima de pneumonia viral...de um dia para o outro ela ficou doente e os médicos não conseguiram evitar.
    Até hoje, dez meses após, nossa vida mudou por completo.
    mmartins.cc@gmail.com
    Estamos com você...forte abraço.

    ResponderExcluir